Setor privado apresenta soluções para a crise climática

5

O Brazil Climate Hub reuniu nesta terça-feira (2) o Carbon Disclosure Project (CDP), Sitawi, Instituto pelo Clima (IPC), BMG e Principles for Responsible Investments (PRI) durante a COP26 para falarem como o setor financeiro pode contribuir para o aumento da ambição climática no Brasil.

Com uma taxa de desmatamento em torno de 44% maior que em 2014, o Brasil precisa demonstrar que é um lugar seguro ou atrativo para os investidores estrangeiros. Por esse motivo, todos os representantes das instituições declararam que somente uma coalizão é capaz de engajar empresas, gestores e investidores.

O PRI, por exemplo, anunciou no mesmo dia o lançamento de uma carta-compromisso assinada por 33 investidores com ativos sob gestão de quase US$ 9 trilhões, como parte de um processo de conscientização sobre o risco que o desmatamento oferece não só ao planeta, mas à própria economia brasileira.

Em um caminho paralelo, está o desenvolvimento de ferramentas cada vez mais eficazes para a medição de emissões de carbono, a fim de que gestores saibam a quantidade despejada na atmosfera por suas empresas. Esse conhecimento por meio das ferramentas é importante para que os setores econômicos possam trabalhar a gestão de mitigação de riscos, de forma que possam identificar oportunidades para criarem produtos e serviços que causem impacto positivo ao meio-ambiente e sociedade.

Em outra frente, os bancos de desenvolvimento, como o BNDES e o BMG, têm trabalhado com o financiamento climático para municípios. Essa ação faz parte do ODS 11 do Acordo de Paris, que trata sobre cidades resilientes. E os bancos têm realizado linhas de crédito para projetos de infraestrutura, construção civil, em melhoria energética e até mesmo como melhorar a atratividade em cidades turísticas.

A conclusão final dos painelistas mostrou que diversas soluções são apresentadas pelo setor privado, mas que o engajamento com o Governo é crucial para que a agenda da descarbonização e dos ODS caminhem para o cumprimento dessas metas.

Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Receba nossa Newsletters